13 de agosto de 2013

Mães com pinta - Mariana Sabido

Fotografar famílias, mães, grávidas, filhos, sobrinhos… captar momentos únicos e fazê-los felizes. É isto que Mariana Sabido, 31 anos, escolheu fazer da sua vida. 
Tem uma sensibilidade especial e talvez por isso seja tão requisitada para eternizar a primeira gravidez, uma simples ida à praia ou uma tarde passada no jardim com os primos. Há 3 anos foi mãe de uma índia - a Laura - e juntas viajam, descobrem recantos mágicos, aproveitam cada dia com uma intensidade e descontração únicas. 
Nesta entrevista a Mariana fala-nos sobre a primeira roupa que a sua bebé vestiu, do seu desejo de ter mais filhos e da sua visão do parto natural e da amamentação. Explica-nos ainda como concilia a maternidade com o seu projecto - Mãe 360º


Nome da filha: Laura 
Idade: 3 anos

Como foi a escolha do nome?
Acho das coisas mais difíceis de escolher para um filho. Eu queria o nome da minha avó (que deixo em segredo, porque um dia vou ter outra menina) e o pai dela queria Rosa. Laura foi de comum acordo.

Que tipo de cuidados tiveste durante a gravidez?
Antes de estar grávida já andava no pilatos e no yoga, ia alternando. Durante toda a gravidez andei no pilatos, mesmo até ao fim, e fiz yoga com a Célia, uma pessoas muito especial. A única que me foi visitar ao hospital além da minha mãe (vivíamos no Algarve). Também nadei, sempre por volta das 8h30 da manhã. Era uma sensação incrível.

Há algum produto que tenhas usado durante a gravidez e que aconselhas às amigas?
Usei sempre o óleo da Weleda. E foi só.

Parto natural ou cesariana? 
Natural e respeitado.

Defendes o parto natural e a amamentação. É uma experiência que consideras fundamental? Porquê?
Eu podia ficar horas a falar sobre o parto e a dar o meu ponto de vista. Mas aqui deixo um bocadinho do que me vai na alma quando penso no meu parto e nos meus futuros partos.
Se esta pergunta me fosse feita há 3 anos tinha na ponta da lingua tudo o que queria para o meu parto... E como estava confiante das minhas escolhas. Nada me faria mudar de opinião. Para mim o parto natural é muito melhor para a mãe e para o bebé. 
Continuo a ser 100% a favor do parto normal e mais que isso, do parto respeitado. Sempre tendo em conta que as cesarianas salvam vidas. Mas cesarianas necessárias e não cesarianas por escolha da mãe ou do médico, só porque sim, porque é mais pratico e mais rápido. Ou ainda, por falta de informação.
O que mais me custa nesta questão dos partos é as mulheres não saberem o que podem escolher, que ali naquele momento são elas que mandam, o parto é delas e de mais ninguém. Cada uma segue o seu caminho na maternidade e todas temos direito às nossas escolhas. E mais que isso, por vezes trocam-nos as voltas... Mas a vida é mesmo assim.
Acho que o parto é algo "selvagem" e natural, uma experiência única que nem sei explicar. Que o lado emocional tem uma grande força sobre o nosso parto. 
E a amamentação é a natureza a funcionar no seu expoente máximo, em que a cria vive exclusivamente da sua mãe.
Eu quis um parto normal e natural. Pensei muito sobre o que queria, e o que seria melhor para o meu bebé. 
Pelo que li e me informei fiquei a saber que é muito melhor nascer de parto normal, passar por contracções e o bebé saber que vai nascer. E não apenas ser posto no mundo sem saber nem quando, nem porquê. Que passar pelo canal de parto traz inúmeras vantagens... e que para mim, para me sentir mais mulher, teria que passar pela experiência de parir um bebé por parto normal.
E assim foi, com a ajuda da parteira Isabel, no Algarve.
Nem tudo foi como eu queria... Mas foi um parto muito respeitado. Tudo o que fizeram perguntaram-me se podiam fazer, respeitaram o meu tempo, respeitaram a hora que a Laura quis nascer. Tinha apenas uma pequena luz ao fundo, dentro do quarto, o João, a parteira e um outro enfermeiro.
Foi muito especial! Vi a placenta no final, que era prefeita e linda. A Laura nunca saiu de ao pé de mim, o que para mim era essencial. 
Passado 1 hora estava a mamar e desde aí nunca mais a perdi de vista. Sendo que dormiu na minha cama todo o tempo.


A Laura com 3 semanas. Eu tinha acabado de fotografar.

Amamentaste a Laura até quando?
Amamentei a Laura até ao 1 ano e 4 meses.

"Breastfeeding is more than just a method of feeding. It is a lifestyle choice " - Identificas-te com esta frase? 
Sim. Para mim era muito mais que apenas alimentar a Laura. Era dar amor, era dar segurança, era ela saber que eu estava sempre por perto.
Acho que a amantação é tantas coisas juntas... difíceis de explicar em palavras.

Como foi fazer o enxoval da Laura? 
Ui, muitas coisas foi a minha mãe que tratou... porque ela adora.
Casacos que a minha avós nos tinha feito. E muitos fofos, vestidos, etc. mandamos fazer.
A primeira roupa era tudo branco.

Como é que gostas de a vestir no dia-a-dia? Há alguma marca (ou marcas) predominante no armário da tua filha?
Visto-a muito na Zara, H&M, Brotes, B10 e mando fazer muitas camisas e alguns vestidos. Quando era mais bebé tinha coisas gocco, neck neck.
Marcas portuguesas, Tic Tac Babies!

Quais as peças de eleição do guarda-roupa da Laura? 
Jardineiras, vestidos e camisas brancas sempre.
Camisolas e casacos todos feitos pela minha mãe.
Para mim os sapatos são assim a minha perdição.
Tenis all star ou vans.

Para uma sessão fotográfica em família que tipo de roupa e que cores achas que funcionam melhor?
O que aconselho sempre são cores mais suaves e sem padrões muito grandes. Nada de bonecos nas t-shirts.
Mas tudo depende... por vezes um padrão pode funcionar, uma t-shirt dos ramones pode fazer sentido e umas calças vermelhas no meio de tudo o resto vêem dar o toque que faltava.



Como é um dia de rotina vosso?
Depende se vai a escola ou não. Porque no ano que passou ia só 2 a 3 vezes por semana.
Por isso, num dia sem escola:
- Acordar tarde, tormar um pequeno almoço especial (eu, porque ela odeia comer de manhã). Ir dar uma volta ao jardim. Almoçar em algum lado com alguém fora de casa. Visitar os avós, as manas ou os primos e acabar o dia a comer gelados no jardim ou na praia.



Como geres a tua profissão, a maternidade e ainda algum tempo para ti?
Tento ter tempo para mim... tenho as vezes. 
Muitas vezes trabalho na sesta dela, ou à noite, assim aproveito o dia com ela.
Como trabalho muito aos fins de semana, durante a semana tento sempre fazer algo especial (que é o que todos os pais fazem aos fins de semana). É rara a vez que não vamos ao jardim ou a praia, basta não estar a chover.
Muitas vezes acabamos o dia em casa dos primos ou dos amigos, para brincar com miúdos da idade dela. 
O meu tempo, por vezes fica esquecido, mas sempre que posso (podemos) vou jantar fora com as amigas, ao cinema etc...

Fotografas a Laura todos os dias? Consegues ter as fotos todas organizadas em albúns de papel?
Não sei se a fotografo todos os dias, acho que não.
Faço um álbum por ano e todos os meses imprimo fotos tamanho 8x10 que guardo numa caixa enorme e espalho por lugares estratégicos.
Acho importante abrirem gavetas e encontrar fotografias, tal como sempre fiz em minha casa... coisa que a geração deles quase não tem.
Tenho tudo organizado por anos e dentro dos anos, por meses. 
Mas mais que isso é ter muitas coisas impressa.

Um momento que mais te tenha marcado com a Laura?
Tenho muitos momentos. Quando se tem filhos é assim mesmo, todos são importantes.
Mas assim o primeiro, quando ela começou a mamar. 1 hora mais ou menos depois de nascer.

Que valores consideras fundamentais na educação da tua filha?
Wild and Free!



Gostavas de ter mais filhos? 
Gostava e vou gostar. Vou ter mais dois.

Acompanhas o Blog da Carlota?
Claro.

Obrigada Mariana!

Para acompanhar o Blog da Carlota no facebook é AQUI

10 comentários:

  1. Gostei bastante da entrevista.. a maneira como ela educa a filha parece ser fantástica

    ResponderEliminar
  2. Obg foi um prazer dar esta entrevista.
    bjs

    ResponderEliminar
  3. Its like you read my mind! You seem to know a lot
    about this, like you wrote the book in it or something.
    I think that you could do with some pics to drive the message home a bit, but other than that,
    this is magnificent blog. An excellent read. I'll definitely be back.


    my page; get IT Help - plaza4.snu.ac.kr,

    ResponderEliminar
  4. This is my first time pay a visit at here and i am actually
    pleassant to read everthing at one place.


    My homepage: plus.google.com ()

    ResponderEliminar
  5. Hi Dear, are you genuinely visiting this website daily, if so then you will
    without doubt obtain pleasant knowledge.



    my homepage - Externe Homepage...; http://www.fsgeschichte.uni-freiburg.de/,

    ResponderEliminar
  6. I'm really enjoying the design and layout of your website.
    It's a very easy on the eyes which makes it
    much more pleasant for me to come here and visit more often.
    Did you hire out a developer to create your theme?

    Outstanding work!

    My web page - 1 ()

    ResponderEliminar
  7. I don't even know how I ended up here, but I thought this post was great.
    I don't know who you are but definitely you're going to
    a famous blogger if you are not already ;) Cheers!

    Also visit my weblog ... New York City IT Services - ,

    ResponderEliminar
  8. That is very attention-grabbing, You're an overly skilled blogger.
    I have joined your rss feed and stay up for searching for extra
    of your excellent post. Additionally, I have shared your website
    in my social networks

    Here is my website :: seo Google

    ResponderEliminar
  9. Incredible points. Sound arguments. Keep up the amazing work.


    Take a look at my web page; keithcollins.com.au, www.talium4u.com,

    ResponderEliminar